Última hora
This content is not available in your region

Cheias em Timor-Leste e Indonésia fazem dezenas de mortes

euronews_icons_loading
cheias em Timor-Leste
cheias em Timor-Leste   -   Direitos de autor  LUSA
Tamanho do texto Aa Aa

O processo de evacuação das populações foi a prioridade, na ultima noite, em Timor-Leste após as inundações que deixaram dezenas de pessoas sem casa e obrigaram centenas a fugir. A noite passou-se neste processo e a providenciar bens de primeira necessidade, principalmente, comida aos deslocados.

O governo timorense fala agora em, pelo menos, 27 mortos, 13 deles em Díli, a capital do país. Entre eles há crianças e um polícia. Há ainda várias pessoas dadas como desaparecidas, algumas delas estarão soterradas na sequência de deslizamentos de terra.

Um relatório preliminar, da secretaria de Estado da Proteção Civil, dava conta de, pelo menos, 2000 famílias afetadas pela intempérie. Há vários dias que chuvas intensas não dão tréguas ao país.

No terreno as populações já iniciaram um processo de limpeza. Há várias áreas de Díli sem eletricidade e a Proteção Civil e o governo estão no terreno para apoiar os casos mais urgentes em termos de reparação de estragos em infraestruturas.

As autoridades receiam que as inundações atrasem a campanha de vacinação em Timor-Leste.

Na Indonésia, país vizinho, o número de óbitos confirmados ultrapassa as sete dezenas mas há ainda muitos desaparecidos. Os estragos são incalculáveis. As equipas de resgate debatiam-se para salvar sobreviventes retidos.

Editor de vídeo • Nara Madeira