Última hora
This content is not available in your region

Würzburg homenageia vítimas de ataque

De  Nara Madeira com EVN, AP
euronews_icons_loading
Würzburg, Alemanha
Würzburg, Alemanha   -   Direitos de autor  Sven Hoppe/AP
Tamanho do texto Aa Aa

A cidade alemã de Würzburg homenageou, este domingo, as vítimas do brutal ataque com uma arma branca e que terminou com três mulheres mortas e vários feridos.

Foi celebrada uma missa que contou com a presença de familiares das vítimas, um representante da comunidade muçulmana desta localidade, o principal líder judeu da Alemanha, o chefe do governo da Baviera, polícia e elementos das equipas de socorro.

Durante a homilia o presidente da câmara alertou para o facto de os crimes cometidos por indivíduos não deverem ser "atribuídos ou alargados a grupos étnicos, religiões ou nacionalidades".

Foi na sexta-feira que um homem atacou várias pessoas, no interior e no exterior de uma loja, no centro de Würzburg. Cinco pessoas ficaram gravemente feridas.

O suspeito, um somali de 24 anos, foi baleado na perna pela polícia e detido depois de várias pessoas o terem cercado. Os investigadores ainda estão a tentar descobrir as motivações por detrás do ataque mas acredita-se ter-se tratado de um ato isolado, de um homem já conhecido da polícia, e que terá problemas mentais. Ainda assim, nenhuma possibilidade está descartada.