EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Parlamento tunisino encerrado "até nova ordem"

Parlamento tunisino encerrado "até nova ordem"
Direitos de autor FETHI BELAID/AFP
Direitos de autor FETHI BELAID/AFP
De  euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Atividade da Assembleia suspensa há um mês pelo presidente Kais Said

PUBLICIDADE

O Parlamento da Tunísia vai permanecer encerrado. O presidente Kais Said prolongou, "até nova ordem" a suspensão da atividade da Assembleia, decretada a 25 de julho.

A decisão foi divulgada na página da presidência, na internet.

Segundo a agência EFE, uma fonte do palácio presidencial disse que Kais Said vai dirigir-se à nação nas próximas horas para discutir os motivos que o levaram a prolongar a suspensão do Parlamento.

Há um mês que o chefe de Estado assumiu todos os poderes. Desde então, Said ainda não nomeou um novo Governo.

Desde que interrompeu a normalidade democrática, Said aproveitou a oportunidade para introduzir mudanças na liderança de vários ministérios, em particular no Interior e nas Forças de Segurança, fundamentais para o controlo do Estado. Também intensificou o seu ataque aos partidos políticos, especialmente ao Ennahda.

Juristas e oposição do país denunciaram a medida como um "golpe de Estado".

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Manifestantes no Quénia entram em confronto com a polícia de choque

Centenas de manifestantes saem à rua no México pelos direitos dos animais

França: milhares de mulheres saem às ruas em protesto contra a extrema-direita