Fim das operações de busca por sobreviventes do sismo

Um homem olha pelo buraco aberto numa escola afetada pelo sismo
Um homem olha pelo buraco aberto numa escola afetada pelo sismo Direitos de autor AP Photo/Fernando Llano
De  Francisco Marques
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Autoridades do Haiti estão ainda avaliar os danos do terramoto de 7.2 na escala de Richter, que fez mais de 2.200 mortos

PUBLICIDADE

A Direção Técnica do Centro Nacional de Operações de Emergência decidiu terminar esta sexta-feira as operações de busca e resgate de sobreviventes do forte sismo de 7.2 graus na escala de Richter que arrasou o sul do país, a 14 de agosto.

A tragédia fez mais de 2.200 mortos, a UNICEF estima haver mais de meio milhão de crianças em risco de contrair doenças propagadas pela água e os receios de outros problemas em agravamento aumentam.

As autoridades têm em curso a realização de um relatório de avaliação do impacto global do terramoto no Haiti, enquanto prosseguem na distribuição de mantimentos pelos sobreviventes da catástrofe.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Sismo faz vários mortos no Haiti e mais de 30 feridos

Presidente da Guatemala declara estado de calamidade devido a incêndios florestais

Rússia e Cazaquistão vivem "piores cheias em décadas"