EventsEventos
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Isaías Samakuva regressa à liderança da UNITA

Luanda, Angola
Luanda, Angola Direitos de autor Euronews/Lusa
Direitos de autor Euronews/Lusa
De  Nara Madeira com Lusa
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Isaías Samakuva regressa à liderança da UNITA enquanto Adalberto Costa Júnior aceita decisão do tribunal Constitucional mas fala em "arranjo político"

PUBLICIDADE

O ex-líder da UNITA, Isaías Samakuva, regressa à liderança do partido após a decisão do Tribunal Constitucional angolano de anular o congresso em que Adalberto Costa Júnior foi eleito presidente, no ano passado.

O até aqui líder do principal partido da oposição angolana aceitou a decisão do tribunal, depois de ter sido notificado, mas diz que se trata de um “arranjo político” para destruir o seu partido. Adalberto Costa Júnior, em conferência de imprensa,afirmava que o Comité Permanente tem legitimidade e é o órgão competente para agir e que o "tribunal Constucional cometeu o seu mais grave erro de apreciação" porque, "tal como no Estado, na UNITA os órgãos vigentes cessam o seu mandato com a tomada de posse dos novos órgãos eleitos".

Já Samakuva aproveitou para apelar aos militantes para manterem a serenidade para preservar aunidade no seio do partido.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Abre-se uma nova página na história da UNITA

Adalberto Costa Júnior é o novo presidente da UNITA

13º Congresso da UNITA: Partido elege novo presidente