Última hora
This content is not available in your region

Alexander Schallenberg é o novo chanceler da Áustria

Access to the comments Comentários
De  Ricardo Figueira
euronews_icons_loading
Alexander Schallenberg é o novo chanceler da Áustria
Direitos de autor  ALEX HALADA/AFP or licensors
Tamanho do texto Aa Aa

O até agora ministro dos Negócios Estrangeiros da Áustria, Alexander Schallenberg, vai assumir o cargo de chanceler, deixado vazio pela demissão de Sebastian Kurz, envolvido num escândalo de corrupção.

Este diplomata de carreira, relativamente novo na política, diz que "é uma tarefa que implica um grande desafio e, apesar dos tempos conturbados, o país está a demonstrar um grande sentido de responsabilidade"

O presidente Alexander Van der Bellen disse que era altura de o governo voltar ao trabalho e o país seguir em frente: "Esta crise governamental acabou. Esta segunda-feira vou dar posse ao novo chanceler e ao novo chefe da diplomacia. O trabalho, no nosso país, pode continuar. Quero agradecer a Sebastian Kurz. Com a atitude que tomou, manteve o governo a salvo e deu uma contribuição importante à proteção das instituições", declarou o chefe de Estado.

Depois de, inicialmente, ter resistido às acusações, Kurz cedeu à pressão e deixou a chancelaria. O agora ex-chanceler e vários colaboradores próximos estão a ser investigados pelas autoridades num caso que envolve subornos.

Este pode ser o fim da curta carreira política daquele que, ao assumir o cargo aos 31 anos em 2017, se tornou o chefe de governo mais jovem da Europa.

Schallenberg é um aliado próximo de Kurz, pelo que a mudança na chefia não significa uma mudança na direção política do país.