This content is not available in your region

Crises na construção e na energia fazem abrandar economia chinesa

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Crises na construção e na energia fazem abrandar economia chinesa
Direitos de autor  Andy Wong/Associated Press

O crescimento económico da China abrandou devido à crise na energia e ao aumento de preços das matérias primas na área da construção.

A segunda maior economia mundial registou um crescimento de 4,9% no terceiro trimestre deste ano. No segundo trimestre do ano, o valor registado tinha sido de 7,9%.

Vendas no comércio, produção nas fábricas e os investimentos no setor de construção e imobiliário diminuíram e estão a provocar este abrandamento.