This content is not available in your region

OMS: Europa pode registar mais 700.000 mortes de Covid

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
OMS: Europa pode registar mais 700.000 mortes de Covid
Direitos de autor  Vadim Ghirda/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved.

Com os números da pandemia em franca ascensão numa grande parte da Europa, chega um novo alerta da Organização Mundial da Saúde: o continente poderá registar mais 700.000 mortes ligadas à Covid-19, elevando para 2,2 milhões o número total de vítimas mortais no território europeu até março do próximo ano.

Segundo a OMS, a Europa registou, na semana passada, 4200 mortes diárias devido ao coronavírus, o dobro das registadas no fim de Setembro.

O diretor regional da organização para a Europa, Hans Kluge, frisou que a situação é "bastante séria" e que o continente está face a "um inverno complicado".

Para a OMS, o aumento do número de casos na Europa deve-se à combinação da prevalência da variante Delta, altamente contagiosa, com uma cobertura vacinal insuficiente e um aliviar das medidas anti-Covid.

Se muitos países reforçam novamente restrições, as campanhas de vacinação têm velocidades bastantes distintas: se perto de 68 por cento da população europeia já recebeu uma segunda dose, na Bulgária só 24 por cento estão vacinados, contra os quase 87 por cento em Portugal.

No Reino Unido, está em fase de teste um spray nasal que deverá funcionar como profilático, sendo usado como medida preventiva contra as infeções.