This content is not available in your region

Karl Nehammer sucede a Schallenberg e é o terceiro chanceler austríaco em dois meses

Access to the comments Comentários
De  Bruno Sousa
euronews_icons_loading
Karl Nehammer sucede a Schallenberg e é o terceiro chanceler austríaco em dois meses
Direitos de autor  Lisa Leutner/Associated Press

Karl Nehammer assume esta segunda-feira o cargo de Chanceler da Áustria na sequência de um efeito dominó que começou com a saída de Sebastian Kurz da liderança do Partido Popular, na quinta-feira.

A demissão levou Alexander Schallenberg, chanceler há menos de dois meses, a colocar o lugar à disposição para que a liderança do governo e do partido estivessem nas mãos da mesma pessoa e os conservadores responderam com a nomeação de Nehammer.

Ministro do Interior desde janeiro do ano passado, o primeiro teste de fogo surgiu com o ataque terrorista de Viena, que provocou quatro mortes em novembro e que foi considerado uma falha grave dos Serviços de Informação austríacos. Como é habitual na política, culpou o antecessor.

Apesar de ainda não ter assumido oficialmente o cargo, Karl Nehammer já anunciou uma remodelação do governo, com o ex-chanceler Schallenberg a regressar ao ministério dos Negócios Estrangeiros.