This content is not available in your region

OMM confirma temperatura recorde no Ártico

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
(imagem de arquivo)
(imagem de arquivo)   -   Direitos de autor  NATALIA KOLESNIKOVA/AFP or licensors

Mais um importante alarme para as alterações climáticas: a Organização Meteorológica Mundial (OMM) confirmou que os 38 graus centígrados registados a 20 de junho de 2020 na localidade russa de Verkhoyansk, na Sibéria, constituem a temperatura mais alta de que há registo no Círculo Polar Ártico.

A temperatura foi medida durante uma invulgar vaga de calor naquela que é uma das regiões mais frias do planeta.