This content is not available in your region

Centenas de pessoas despedem-se de David Sassoli

Access to the comments Comentários
De  Euronews  com Lusa
euronews_icons_loading
Centenas de pessoas despedem-se de David Sassoli
Direitos de autor  AP Photo

Vários políticos italianos, entre eles o presidente Sergio Matarella e o primeiro-ministro Mario Draghi, prestaram homenagem a David Sassoli, que morreu no início desta semana. O caixão foi colocado na Câmara Municipal de Roma, antes do funeral de Estado desta sexta-feira.

Pela câmara ardente passaram centenas de pessoas que quiseram prestar uma última homenagem a um político que consideravam “um homem bom” e um europeísta convicto. Na sala acumularam-se coroas de flores provenientes de numerosas instituições italianas e europeias, ao som da música sacra de Johann Sebastian Bach.

Sassoli morreu na terça-feira, aos 65 anos, em Aviano (Itália), onde se encontrava hospitalizado desde 26 de dezembro, sendo o primeiro presidente do Parlamento Europeu a morrer em exercício de funções nas quais estava prestes a ser substituído, no cumprimento de um acordo de partilha do mandato de cinco anos.

David Sassoli contraiu uma pneumonia em setembro de 2021, que o obrigou a receber tratamento hospitalar em Estrasburgo, França, e, embora tenha recebido alta hospitalar uma semana depois, prosseguiu a recuperação em Itália e esteve mais de dois meses ausente das sessões plenárias do parlamento, regressando no final do ano.

O início do funeral com honras de Estado está previsto para as 12:00 locais (11:00 hora de Lisboa) numa basílica na capital italiana, na presença da presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, e do presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, a par de diversos responsáveis políticos italianos e europeus, incluindo do Governo português.

Na próxima semana, na primeira sessão plenária do ano, o Parlamento Europeu deverá eleger um novo presidente da assembleia, algo que já estava previsto a meio da atual legislatura, e não relacionado com o estado de saúde de Sassoli.