This content is not available in your region

Parlamento Europeu rende homenagem a David Sassoli

Access to the comments Comentários
De  Nara Madeira
euronews_icons_loading
Parlamento Europeu prestou homenagem a David Sassoli na presença de figuras de Estado
Parlamento Europeu prestou homenagem a David Sassoli na presença de figuras de Estado   -   Direitos de autor  Jean-Francois Badias/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved

Eurodeputados, políticos e figuras de Estado prestaram homenagem, esta segunda-feira, no Parlamento Europeu, em Estrasburgo, ao ex-presidente deste organismo falecido na semana passada. 

Entre os vários oradores esteve Charles Michel. O presidente do Conselho da União Europeia falou dacooperação com David Sassoli, dos tempos que passaram juntos, "memórias preciosas", afirmou. Momentos que, frisava Charles Michel, "mostram que a bondade é uma força e nunca uma fraqueza. Momentos que mostram uma preocupação constante em reunir as pessoas", de se virarem "juntos para o futuro", uma inspiração "com novas ideias para a Europa".

Emmanuel Macron, o chefe de Estado de França, país que assume, atualmente, a presidência rotativa do do Conselho da União Europeia, fez um elogio a Sassoli com acento tónico na Europa. 

"A Europa que defendeu é solidária, com solidariedade entre os seus cidadãos e os seus membros. A Europa que ele defendeu é forte, com a força da unidade. Foi tanto organizador como pacificador deste hemiciclo, ele confrontou ideias, nunca pessoas".
Emmanuel Macron
Presidente de França

Quem não esteve presente na cerimónia foi Ursula von der Leyen. A presidente da Comissão Europeia é caso de contacto, porque o seu motorista tem Covid-19, e viu-se obrigada a regressar a Bruxelas.

David Sassoli faleceu aos 65 anos devido a complicações no seu sistema imunitário. O antigo jornalista teve direito a funeral de Estado no seu país natal, Itália, na última sexta-feira.

Outras fontes • EBS