This content is not available in your region

Disciplina sobre Holocausto levanta polémica na Roménia

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Disciplina sobre Holocausto levanta polémica na Roménia
Direitos de autor  Vadim Ghirda/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved.

Foi aprovada uma lei na Roménia para introduzir na oferta educativa uma disciplina de estudo sobre o Holocausto. O Partido "Aliança para a Unidade dos Romenos" está contra a lei e o Ministério Público abriu uma investigação a um comunicado que o partido publicou.

A oposição está a levantar dúvidas sobre a decisão do governo romeno de querer introduzir nas escolas uma unidade curricular dedicada exclusivamente ao ensino do Holocausto. O "Aliança para a Unidade dos Romenos", partido que conseguiu 9% dos votos nas últimas eleições, pediu ao ministério da Educação para "parar de fazer experiências ideológicas com as crianças".

O Ministério Público está a investigar o comunicado do partido com a acusação de que este está a "minimizar o Holocausto".

Claudiu Tarziu, co-presidente da "Aliança para a Unidade dos Romenos", diz que o partido não questiona o Holocausto mas sim "a forma de educar as gerações mais jovens".

Tarziu diz que estão surpreendidos pela decisão do MP de investigar o documento publicado porque o partido não minimiza o que aconteceu no passado, e que nem sequer "há assunto" sobre tal. "Somos cristãos, não podemos ser anti-semitas.", diz.

Especialistas dizem que negar o Holocausto é atacar a democracia

Mas a justificação do partido conservador não convence os historiadores especialistas no Holocausto. Alexandru Florian, do Instituto Nacional Elie Wiesel para o Estudo do Holocausto na Roménia, diz que "o negacionismo histórico é uma ameaça à democracia" e que se estes partidos chegarem ao poder, a Roménia terá "políticas públicas que diminuem os direitos e as liberdades de certas categorias da população romena."

Durante anos, a Roménia negou que tinha feito parte do extermínio dos judeus durante a Segunda Guerra Mundial, mas os números da Comissão Internacional para o Estudo do Holocausto falam de pelo menos 280 mil mortes apenas em território romeno.