EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Ryding é o primeiro britânico a ganhar o ouro no esqui alpino

Ryding é o primeiro britânico a ganhar o ouro no esqui alpino
Direitos de autor Giovanni Auletta/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved
Direitos de autor Giovanni Auletta/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved
De  Euronews com AP
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Vitória histórica nos Alpes austríacos a duas semanas do início dos Jogos Olímpico de inverno

PUBLICIDADE

Os adeptos britânicos de esqui alpino estavam à espera deste momento há mais de cinco décadas. Dave Ryding é o primeiro campeão do mundo britânico da modalidade. A duas semanas do arranque dos Jogos Olímpicos de inverno, o esquiador faz disparar as ambições da seleção britânica.

Ryding triunfa num dos slaloms clássicos do circuito masculino, em Kitzbühel, na Áustria.

"Acho que o meu nome vai ficar na história agora", disse.

Sexto na primeira descida, impôs-se na segunda ronda com um minuto e 41,26 segundos.

"Tive tanta emoção quando terminei, agora simplesmente não sei o que dizer. Normalmente não estou perdido por palavras, mas agora estou", confessou Ryding emocionado logo após a corrida.

O seu treinador, Tristan Glasse-Davies, e o seu técnico de esqui, Jai Geyer, aplaudiram a vitória na zona dos treinadores.

"Ele é um esquiador sólido e inteligente",disse Geyer. "Significa tanto para o esqui britânico, Dave ganhar contra as probabilidades, é incrível".

Lucas Braathen, que ganhou espectacularmente o slalom em Wengen na semana passada, vindo da 29ª posição após a primeira corrida, terminou 0,38 segundos depois, em segundo, seguido pelo companheiro de equipa norueguês Henrik Kristoffersen, que melhorou a partir da 24ª posição após a corrida de abertura.

O triunfo de Ryding veio cinco anos depois de o britânico ter ganho o seu primeiro pódio do Campeonato do Mundo no mesmo local icónico dos Alpes Austríacos, terminando em segundo lugar.

A vitória coroa uma carreira notável para Ryding, que aprendeu a esquiar em pistas secas e só esquiou na neve pela primeira vez aos 12 anos de idade.

Ryding fez a sua estreia na Taça do Mundo em Alta Badia em 2009 e competiu na sua 97ª corrida de sábado.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Inverno invulgarmente quente deixa parte da Áustria sem neve

Faltam 100 dias para os Jogos Olímpicos de Paris

Croata bate recorde mundial de mergulho em apneia no gelo