EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Corrida contra o tempo em São Paulo

Dezenas de pessoas ficaram soterradas
Dezenas de pessoas ficaram soterradas Direitos de autor Orlando Junior/AP
Direitos de autor Orlando Junior/AP
De  euronews
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Inundações e deslizamentos de terras matam pelo menos 24 pessoas em São Paulo, no Brasil. Equipas de salvamento tentam resgatar pessoas soterradas.

PUBLICIDADE

Subiu para 24 o número de mortos nas inundações e deslizamentos de terra provocados por fortes chuvas, no estado de São Paulo no Brasil. Oito são crianças.

Segundo o último balanço feito pela Defesa Civil paulista há, ainda, sete feridos e oito pessoas estão desaparecidas.

São 27 os municípios afetados, no Estado.

Em Franco da Rocha, a cidade mais atingida, as equipas de socorro e resgate continuam as operações de salvamento.

Um morador de uma comunidade, Júlio Bezerra Da Silva, conta que na casa do vizinho, "se se abrir a porta, na lateral da parede, há um barranco com três vítimas. O pai e o filho estão abraçados. Têm que quebrar essa parede para tirar o pessoal dali. Eles estão desconfiados que tem gente ali... Deus ajude que estejam vivos. Ontem alguém estava pedindo socorro, hoje já não esta mais. Estão tentando tirar o corpo de lá. Com vida ou sem vida."

O sudeste do Brasil tem sido assolado por fortes chuvas desde o início do ano. Em janeiro, a capital paulista registou uma precipitação de 382,2 mm, segundo o Instituto de Meteorologia brasileiro.

Além do excesso das chuvas, a situação tornou-se mais grave, segundo o jornal Folha de São Paulo, porque o Executivo de João Doria gastou apenas 45% do orçamento previsto para obras de infraestruturas antienchentes em todo estado de São Paulo, em 2021.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Deslizamento de terras na Etiópia mata mais de 200 pessoas

Depois de estragos na Jamaica, Furacão Beryl move-se para o México

Debandada em evento religioso na Índia mata mais de 100 pessoas