This content is not available in your region

Kiev e Moscovo reclamam vitórias sobre o inimigo

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Destruição da Ucrânia
Destruição da Ucrânia   -   Direitos de autor  AFP

O Ministério ucraniano da Defesa divulgou um vídeo onde se vê a explosão de um pequeno navio militar no mar. Segundo Kiev, as forças da Ucrânia destruíram dois barcos-patrulha russos modelo Raptor perto da Ilha das Serpentes, no Mar Negro.

Pelo seu lado, Moscovo divulgou imagens que alegadamente mostram o sistema de mísseis balísticos Iskander em funcionamento no decurso da autodenominada "operação militar especial da Rússia".

O Ministério russo da Defesa disse ter utilizado mísseis de alta precisão para destruir 38 alvos militares ucranianos, incluindo quatro postos de comando, 30 baluartes de pelotões e três depósitos de mísseis e armas de artilharia na região de Kharkiv.

"As Forças Aeroespaciais russas atingiram 20 áreas de concentração militar ucranianas e o depósito de armas e munições de mísseis perto de Chervone, na região de Zaporizhya. Os ataques resultaram na eliminação de mais de 160 nacionalistas e de 26 veículos blindados ucranianos", afirma o o porta-voz do Ministério russo da Defesa, Igor Konashenkov.

Esta segunda-feira, o gabinete do presidente ucraniano Volodymyr Zelenskyy divulgou que pelo menos três pessoas foram assassinadas e outras três, incluindo uma criança, foram feridas na região de Luhansk, nas últimas 24 horas. Outras quatro pessoas terão ficado feridas durante bombardeamentos em Donetsk.