This content is not available in your region

Ofensiva militar russa perde força no Donbass

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Militares ucranianos
Militares ucranianos   -   Direitos de autor  Mstyslav Chernov/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved

À medida que avançam em Kharkiv, os militares ucranianos encontram vestígios de combate e destroços de veículos russos. A cidade já não está nas mãos das forças russas e há cinco dias que não é alvo de bombardeamentos.

Um revés importante para as forças de Moscovo que, segundo os serviços secretos militares britânicos estão também a perder força no Donbass e "é pouco provável que acelerem as operações nos próximos 30 dias".

Na região de Mariupol, de acordo com a televisão russa, RTR, o exército russo cercou e fez recuar as forças ucranianas, no entanto, alguns combates localizados continuam.

A Procuradoria-Geral da Ucrânia anunciou o início de uma investigação preliminar sobre a utilização pelos russos de projécteis incendiários com bolas de termite, proibidos pelo Direito Internacional na fábrica Azovstal, em Mariupol.

As esposas, mães e irmãs de combatentes de Mariupol temem pelos seus que se encontram no complexa da Azovstal.

Natalia Zarytska mostra a foto do marido com quem falou ao telefone há dois dias e diz:

"Ele disse-me que o anel em redor, o círculo em redor da fábrica está a ficar mais estreito e o fim será em breve".

 "Acha que o vai voltar a ver?"

 "Sim, espero eu. Na minha mente penso que não há hipótese, mas, no meu coração, sinto que podemos salvá-los".

O governador da região de Luhansk, Sergei Gaidai, diz que o exército russo vai circundar a região, cercando as forças ucranianas em Lisichansk, Rubizhne e Severodonetsk.

Para tal, os russos estão a direcionar o equipamento militar para a região de Popasnaya.

Segundo a mesma fonte, os combates prosseguem nas aldeias de Shchedrishchevo e Voronovo.

A Rússia disse ter atacado as posições ucranianas no leste com mísseis, visando centros de comando e arsenais.