Marchas do Orgulho Gay contra o preconceito

A festa contra o preconceito
A festa contra o preconceito Direitos de autor Andrew Medichini/Copyright 2018 The Associated Press. All rights reserved.
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Marchas do Orgulho Gay voltam a Roma e a Viena após interregno causado pelos confinamentos impostos para combater covid-19

PUBLICIDADE

Roma voltou a vestir as cores do arco-íris depois dos confinamentos impostos para combater a pandemia da Covid-19.

Milhares de pessoas participaram, no sábado, na marcha do Orgulho Gay na capital italiana.

No centro da Cidade Eterna, os ativistas LGBTQIA+ manifestaram-se não apenas contra a discriminação sexual, mas também contra qualquer tipo de discriminação, como refere um italiano:

"O que sou é uma coisa minha. Porque temos de dizer se é homem, mulher, hebreu, cristão ou muçulmano'? Eu sou um ser humano e estou aqui pelos direitos".

Outro sublinha: "Há um longo caminho pela frente, com certeza, mas vamos continuar a lutar até conseguirmos o que queremos".

Este sábado, foi também dia de Marcha do Orgulho Gay em Viena, a capital da Áustria.

De acordo com a organização, eram esperadas mais de 200 mil pessoas nesta festa contra o preconceito e a violência contra a comunidade LGBTQIA+.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Bandeira arco-íris hasteada no Ministério do Interior da Alemanha

Orgulho Gay espalha arco-íris pelo mundo

O país mais velho da Europa: o que está por detrás do problema do envelhecimento em Itália?