This content is not available in your region

Detido segundo suspeito do desaparecimento do jornalista e guia na Amazónia

Access to the comments Comentários
De  Euronews  com AP. Folha de São Paulo
euronews_icons_loading
Polícia federal em buscas por Dom Phillips e Bruno Pereira na Amazónia
Polícia federal em buscas por Dom Phillips e Bruno Pereira na Amazónia   -   Direitos de autor  Edmar Barros/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved.

Foi detido no Brasil um segundo homem suspeito de estar envolvido no desaparecimento do jornalista britânico Dom Philips e Bruno Pereira, especialista em cultura indígena.

Oseney da Costa de Oliveira tem 41 anos e terá sido visto na zona do desaparecimento por duas testemunhas diferentes. De acordo com a polícia local, Oseney é irmão de Amarildo Oliveira, o primeiro suspeito a ser detido.

O jornalista e o investigador desapareceram na semana passada perto da terra indígena Vale Javari, na floresta da Amazónia. Estariam a trabalhar numa reportagem sobre pesca ilegal e narcotráfico na região.

No domingoo, os mergulhadores do corpo de bombeiros do Amazonas encontraram pertences dos dois homens,  submersos e amarrados a uma árvore, o que indica que houve intenção de esconder os objetos. 

A polícia está a investigar um possível crime de homicídio qualificado. Os dois suspeitos já terão sido interrogados pelas autoridades locais. Continuam detidos no município de Atalaia, a aguardar julgamento.