Nazi de 101 anos condenado a 5 anos de prisão por cumplicidade em crimes durante Holocausto

Josef Schütz
Josef Schütz Direitos de autor Michele Tantussi/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Defesa de Josef Schütz vai recorrer da sentença e devido à sua idade avançada.

PUBLICIDADE

Tem 101 anos, mas o tempo não fez esquecer os crimes que cometeu durante a Segunda Guerra Mundial. Um antigo guarda de um campo de concentração nazi de Sachsenhausen, na Alemanha, foi condenado a cinco anos de prisão pelo tribunal de Brandenburg-Havel, em Berlim.Josef Schütz foi a julgamento acusado de cumplicidade no assassinato de mais de 3500 (3.518) prisioneiros entre 1942 e 1945.

O acusado nunca mostrou arrependimento chegando mesmo a negar qualquer envolvimento nos crimes. A defesa de Schütz vai recorrer da sentença e devido à sua idade avançada. O antigo membro das chamadas Waffen SS torna-se na pessoa mais velha alguma vez condenada por cumplicidade em crimes cometidos durante o Holocausto.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Por que é que os eurodeputados croatas em Bruxelas estão a minimizar o terrorismo e os crimes nazis?

Manifestação de ultranacionalistas em Oslo

Greve na Lufthansa afeta 100 mil passageiros