This content is not available in your region

Presidente do Sri Lanka confirma demissão

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Manifestantes em Colombo no Sri Lanka
Manifestantes em Colombo no Sri Lanka   -   Direitos de autor  Eranga Jayawardena/AP Photo

O presidente do Sri Lanka, Gotabaya Rajapaksa, anunciou que vai demitir-se do cargo na próxima quarta-feira.

O anúncio sucedeu-se a manifestações na capital, Colombo, que culminaram com a invasão das residências oficiais do presidente e do primeiro-ministro.

Muitos manifestantes responsabilizam o chefe de estado pela crise económica que o país atravessa.

"Não estou errado ao dizer que hoje ganhámos esta luta. Reunimo-nos deixando de lado todas as diferenças e cercámos a casa do presidente. Aguardamos uma declaração do Sr. Gotabaya Rajapaksa a dizer que se demitiu", afirma Mohamad Imran, manifestante e residente de Colombo. 

De acordo com elementos da oposição, o presidente da Assembleia irá assumir temporariamente o cargo de presidente e formar um governo interino.

Os protestos de sábado representam o culminar de meses de manifestações. 

O presidente e governo são acusados de má gestão e corrupção e responsabilizados pela crise económica que dura há meses no país.