This content is not available in your region

Sucessor de Boris Johnson anunciado em setembro

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Boris Johnson
Boris Johnson   -   Direitos de autor  Leon Neal/2022 Getty Images via AP

A corrida para a liderança do Partido Conservador britânico já tem o dia da final marcado. O substituto de Boris Johnson vai ser conhecido no dia 5 de setembro. As nomeações oficiais abrem e encerram nesta terça-feira e há, para já, 11 candidatos ao lugar. Para serem colocados no escrutínio, terão de conseguir o apoio de 20 colegas deputados. As votações começam já nesta quarta-feira. A partir daí, haverá votações sucessivas que vão eliminando os candidatos menos votados.

O ministro de Defesa era considerado um dos favoritos para suceder a Boris Johnson, mas decidiu não entrar na corrida. Ben Wallace falou numa “decisão difícil” mas disse que preferiu concentrar-se na segurança do país.

Boris Johnson não quer revelar preferências. Ao ser questionado sobre o assunto, disse que “segundo a constituição, a função do primeiro-ministro, nesta situação, é continuar a cumprir o mandato, e é isso que está a fazer".

O primeiro-ministro britânico foi forçado a demitir-se depois de mais de 50 elementos do seu Governo terem renunciado, e na sequência de uma série de escândalos.