This content is not available in your region

População chinesa começa a diminuir antes de 2025

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Maternidade na China
Maternidade na China   -   Direitos de autor  AP Photo

A população da China vai começar a diminuir antes de 2025.

Segundo a Comissão Nacional de Saúde, em 2035 o Império do Meio começa a tornar-se "um país de anciãos", com cerca de 1/3 da população acima dos 60 anos.

Os estudos mostram que esta é a consequência da política de "Uma família - uma criança" que esteve em vigor durante quatro décadas, (1979-2016). mas não só.

Com o aumento do nível de vida, a China está a viver a mesma transição demográfica que todos os países desenvolvidos: menos crianças, com mais "qualidade de vida" , e menos atenção à constituição de famílias.

Nos últimos anos, Pequim tem tentado estimular mais nascimentos, mas esses esforços têm sido até agora inúteis. As autoridades não escondem a preocupação: o envelhecimento e o declínio da população significam abrandamento para a economia.