This content is not available in your region

Protestos no centro de Bagdade

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Protestos violentos no centro de Bagdade, a capital do Iraque
Protestos violentos no centro de Bagdade, a capital do Iraque   -   Direitos de autor  Hadi Mizban/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved.   -  

Cerca de duas mil pessoas reuniram-se este sábado no centro de Bagdade para comemorarem o terceiro aniversário dos protestos de 2019.

Os manifestantes concentraram-se na praça Tahrir onde ocorreram os protestos há três anos, pedindo justiça para os que perderam a vida na altura.

Segundo as autoridades, terão morrido 560 pessoas, nos protestos violentos que levaram à demissão do primeiro-ministro Adel Abelmahdi.

Alguns manifestantes tentaram atravessar as barreiras de segurança e as forças de segurança dispararam gás lacrimogéneo contra a multidão, deixando cinco manifestantes feridos por asfixia, de acordo com uma fonte, que falou à Agência EFE, sob anonimato.

Os manifestantes levam bandeiras iraquianas e fotografias de vários ativistas que foram mortos durante as manifestações de 2019 e exigem que os autores desses assassinatos sejam levados à justiça.

Face à paralisia política no país, os manifestantes pediam também a realização de eleições antecipadas