Presidenciais: Lula da Silva e Bolsonaro seguem para segunda volta

AFP
AFP Direitos de autor ANDRE BORGES/AFP or licensors
De  Euronews com Lusa
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Antigo presidente do país venceu mas sem maioria absoluta

PUBLICIDADE

O candidato Luís Inácio Lula da Silva e o atual chefe de Estado brasileiro vão disputar a segunda volta das eleições presidenciais do Brasil, que decorre a 30 de outubro.

Segundo os dados oficiais, Lula da Silva obteve 47,85% dos votos na primeira volta enquanto Bolsonaro teve 43,70%, quando estão contabilizadas 96,93% das secções eleitorais.

Com estes resultados parciais, a eleição está agora “matematicamente definida” e obriga a uma segunda volta, pode ler-se na página eletrónica em que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) está a divulgar os resultados parciais.

Para além de Lula da Silva e Bolsonaro, os 156 milhões de eleitores chamados às urnas tiveram a possibilidade de votar em Ciro Gomes, Simone Tebet, Luís Felipe D’Ávila, Soraya Tronicke, Eymael, Padre Kelmon, Leonardo Pericles, Sofia Manzano e Vera Lúcia como candidatos às presidenciais brasileiras.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Lula vence mas Bolsonaro garante segunda volta nas presidenciais do Brasil

Brasileiros em Portugal afluem massivamente às urnas

Brasil elege hoje novo presidente: Lula e Bolsonaro têm segunda volta à espreita