Rússia designa Meta como "organização terrorista e extremista"

Meta
Meta Direitos de autor / AFP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Utilizadores do Facebook e Instagram poderão ser alvo de ações legais reforçadas

PUBLICIDADE

Em plena guerra na Ucrânia, o Kremlin volta a apertar o cerco na internet e nas redes sociais.

A Rússia decretou oficialmente a norte-americana Meta, casa-mãe do Facebook e do Instagram, como "organização terrorista e extremista".

Um tribunal russo já tinha decretado em março a Meta como organização extremista e as duas redes sociais tinham sido bloqueadas na Rússia.

Mas a nova designação abre a via a ações legais reforçadas contra utilizadores do Facebook e Instagram no país. 

O uso só é possível atualmente através das VPN - redes virtuais privadas - tal como acontece com o Twitter e um grande número de sites de meios de comunicação críticos do Kremlin e da invasão da Ucrânia.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Meta multada em 265 milhões de euros na Irlanda por violação da privacidade de dados

Países unem-se para trazer de volta crianças ucranianas deportadas ilegalmente

Putin confirma recandidatura à presidência da Rússia