This content is not available in your region

"Aqui Contigo" ajuda a atenuar a dor de quem sofre

Access to the comments Comentários
De  Bruno Sousa  com Lusa
Música para atenuar a dor de quem sofre
Música para atenuar a dor de quem sofre   -   Direitos de autor  PAULO CUNHA/ LUSA   -  

O ritual de afinar os instrumentos repete-se antes de cada espetáculo mas para estes músicos da Sociedade Artística e Musical dos Pousos o palco é um quarto de hospital. O projeto "Aqui contigo - O som como último colo" tem por objetivo utilizar a música para atenuar a dor de quem sofre nas unidades de cuidados paliativos. A ideia nasceu em 2015 e tornou-se realidade com os apoios do Portugal Inovação e do poder local.

Raquel Gomes é a coordenadora do projeto, sublinha que "a arte a a música não devem acontecer só em palco, devem ir ao encontro das pessoas. Algumas já não verbalizam, já não falam mas comunicam sempre de alguma forma, com um gesto, um olhar, uma lágrima que escorre, uma mão que agarra e não solta. Estas pessoas estão vivas. Estão a sentir e merecem."

No internamento da unidade de cuidados paliativos do centro hospitalar de Leiria, a iniciativa é vista com bons olhos e consegue resultados que estão fora do alcance dos médicos.

De acordo com a coordenadora da Unidade de Internamento dos Cuidados Paliativos, a música permite "deixar fluir algumas emoções que às vezes são mais difíceis. Expressar emoções também é uma forma de aliviarmos o sofrimento, sobretudo o sofrimento psicológico e existencial. Nós sentimos que eles chegam muitas vezes a um sítio onde nós não conseguimos chegar".

Além de levar a música ao hospital, o projeto também visita quem está doente em casa. Para os músicos participantes, a emoção que acompanha estes espetáculos é superior à emoção de tocar para milhares de espetadores.