Empresa de Trump condenada por fraude fiscal

O caso centrava-se no antigo diretor financeiro da Trump Organization, Allen Weisselberg
O caso centrava-se no antigo diretor financeiro da Trump Organization, Allen Weisselberg Direitos de autor Charles Rex Arbogast/AP
Direitos de autor Charles Rex Arbogast/AP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Antigo presidente norte-americano não foi envolvido no processo

PUBLICIDADE

A Trump Organization, empresa do setor imobiliário pertencente ao antigo presidente norte-americano, foi considerada culpada de um esquema de fraude fiscal, entre outros.

Ao todo, 17 acusações foram confirmadas por um júri, em Nova Iorque. O caso centrava-se no antigo diretor financeiro da empresa, Allen Weisselberg, que se declarou culpado em troca de uma pena de prisão de 5 meses.

Durante 15 anos, a companhia evitou o pagamento de impostos, oferecendo benefícios aos executivos como apartamentos e carros de luxo.

O próprio Donald Trump não foi envolvido no processo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Trump recebeu presidente polaco em Nova Iorque para reunião "amigável"

Processo de seleção do júri promete atrasar julgamento de Trump

Trump paga 175 milhões de dólares para evitar apreensão de bens em caso de fraude