Mau tempo faz mais de 60 mortos nos Estados Unidos

vista aérea do bairro da Exposição Pan-Americana de 1901, em Buffalo
vista aérea do bairro da Exposição Pan-Americana de 1901, em Buffalo Direitos de autor Derek Gee/Buffalo News/Copyright 2022. The Buffalo News
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Esta já é considerada a tempestade mais mortífera na região oeste do estado de Nova Iorque

PUBLICIDADE

A situação nos Estados Unidos agrava-se e o número de mortes continua a aumentar. A polícia, incluindo a militar, foi enviada para os pontos de entrada de Buffalo, para impedir a circulação automóvel na segunda cidade mais populosa do estado de Nova Iorque. Esta já é considerada a tempestade mais mortífera na região oeste do referido estado, em pelo menos duas gerações.

Ontem, o presidente Joe Biden decretou o estado de emergência e ofereceu a ajuda da sua administração.

As autoridades locais diziam que há demasiadas pessoas a ignorar as restrições. O autarca do condado de Erie, Mark Poloncarz, “implora às pessoas para ficarem em casa e explica que há estradas bloqueadas, às quais ninguém tem acesso, e que não vale a pena tentar aceder a esses locais".

Em Buffalo, houve quem morresse em carros e em casas enquanto limpava a neve. As equipas no terreno não conseguiram responder a tempo a todas as emergências.

 Esta terça-feira, milhares de voos domésticos e internacionais foram anulados em várias regiões do país.

Outra questão que preocupa as autoridades é o facto das previsões meteorológicas apontarem para o aumento das temperaturas no próximo fim de semana. Neste cenário, existe o risco de inundações por causa do derretimento da neve que se acumula há três dias.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Chuvas torrenciais assolam a Grécia

Neve e mau tempo põem Europa em alerta

Chuva, neve e tornados. Mau tempo causa estragos na Europa e nos EUA