Morreu o realizador Ruggero Deodato

Ruggero Deodato no Porto, em 2020
Ruggero Deodato no Porto, em 2020 Direitos de autor Ricardo Figueira / Euronews
De  Ricardo Figueira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Amado por muitos e odiado por outros tantos, "Holocausto Canibal" é a sua obra mais marcante.

PUBLICIDADE

Morreu, aos 83 anos, o realizador italiano Ruggero Deodato, conhecido sobretudo pelos filmes de terror, em particular o muito polémico "Holocausto Canibal", estreado em 1980 e tornado filme de culto, adorado por uma legião de fãs e detestado por muitos outros, devido à morte de animais no filme.

Dono de uma carreira de várias décadas, começou por trabalhar como assistente de cineastas como Roberto Rosselini. Realizou depois algumas comédias e filmes policiais, até se afirmar no terror. Recorde aqui a entrevista concedida à Euronews, em 2020, aquando da passagem pelo Fantasporto, como parte do grupo de autores da colectânea de curtas "Deathcember".

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

"Follow Her" é o grande vencedor do Fantas 2022

Cinema asiático em força no Fantasporto 2022

40 velas para o Fantasporto