Ministra alemã dos Negócios Estrangeiros visita Ucrânia

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, e homóloga da Alemanha, Annalena Baerbock
Ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, e homóloga da Alemanha, Annalena Baerbock   -   Direitos de autor  AFP PHOTO / MINISTÉRIO DOS NEGÓCIOS ESTRANGEIROS DA UCRÂNIA

Numa visita-surpresa, a ministra alemã dos Negócios Estrangeiros, Annalena Baerbock, chegou, esta terça-feira à cidade de Kharkiv. A chefe da diplomacia alemã deslocou-se ao nordeste da Ucrânia, uma das zonas mais afetadas pela ofensiva militar russa, para, na primeira pessoa, transmitir o apoio da Alemanha a Kiev. 

Na bagagem, para já, chegam promessas de mais armas e apoio humanitário. Mas o que Kiev quer saber é se governo alemão vai desbloquear o envio de dois tanques de combate para reforçar o esforço de guerra contra a Rússia.

Rússia intensifica ofensiva em Soledar e Balhmut

Moscovo, que nos últimos dias tem condenado a ajuda militar do Ocidente, responde na contraofensiva. De acordo com a TASS, a agência russa de notícias, esta terça-feira, as forças russas destruíram, em Donetsk, dois radares de contrabateria de fabrico norte-americano.

A região tem sido, nos últimos dias, palco de confrontos sangrentos com tropas russas de mercenários do grupo Wagner a avançar no terreno e a tentar tomar a todo o custo Soledar.

O controlo da cidade permitiria à Rússia abrir um corredor até à cidade vizinha de Bakhmut, onde a defesa ucraniana foi já reforçada.

Turquia aprova plano de paz de Zelenskyy

Apesar da dureza dos combates, a Turquiaanunciou, esta terça-feira, através do seu chefe da diplomacia, Mevlut Çavusoglu, o apoio de Ancara aoplano de paz proposto pelo presidente Volodymyr Zelenskyy, um documento onde o chefe de Estado ucraniano apresenta dez pontos de segurança abrangentes e garantias para o fim do conflito.