Parlamentos da UE e Ucrânia reunem-se para discutir adesão ao bloco

A Presidente do Parlamento Europeu Roberta Metsola, ao centro, discursa durante uma sessão plenária no Parlamento Europeu em Bruxelas
A Presidente do Parlamento Europeu Roberta Metsola, ao centro, discursa durante uma sessão plenária no Parlamento Europeu em Bruxelas Direitos de autor Virginia Mayo/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O encontro entre os eurodeputados e os representantes ucranianos decorreu em Bruxelas e foi a primeira reunião de trabalho para discutir a futura adesão da Ucrânia ao bloco europeu

PUBLICIDADE

O Parlamento Europeu levou a cabo esta quarta-feira a primeira reunião da comissão mista criada com os colegas ucranianos de Verkhovna Rada.

Este é um dos passos vitais para a integração e futura adesão da Ucrânia à UE.

A presidente do Parlamento Europeu, Roberta Metsola, afirmou que as negociações de adesão deveriam começar já este ano acrescentando que Kiev tem muito trabalho pela frente.

"Em resumo, todos os recursos das nossas instituições estarão à sua disposição. Agora, claro, sabemos que o processo não vai ser fácil. Como representantes do povo, têm o papel e a responsabilidade de explicar aos cidadãos ucranianos a necessidade de reformas, muitas vezes de grande alcance e dolorosas, ainda mais em tempos de guerra" disse Roberta Metsola na sessão de abertura dos trabalhos.

Em Junho do ano passado a Ucrânia recebeu o estatuto de candidato à adesão à União Europeia.

A Presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, ofereceu-se para acelerar os procedimentos.

O primeiro-ministro ucraniano Denys Shmyhal disse no princípio do ano que queria ver o seu país aderir ao bloco em apenas dois anos.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Ucrânia acusa Rússia de usar táticas de terra queimada em Bakhmut

Rússia exige "nova ordem mundial" para haver paz na Ucrânia

Cereais ucranianos em cima da mesa em Ancara