Centenas de voos cancelados na Alemanha devido à greve nos aeroportos

Cerca de 100 mil pessoas serão afetadas pelo cancelamento dos voos em três aeroportos da Alemanha
Cerca de 100 mil pessoas serão afetadas pelo cancelamento dos voos em três aeroportos da Alemanha Direitos de autor David Young/AP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Cerca de 700 voos cancelados e 100 mil passageiros afetados, são as estimativas dos efeitos de dois dias de greves, em três aeroportos da Alemanha

PUBLICIDADE

Várias centenas de voos estão a ser cancelados na Alemanha devido à greve dos trabalhadores da segurança em vários aeroportos.

O sindicato Verdi convocou a greve até à próxima sexta-feira à noite.

Os aeroportos diretamente afetados são Dusseldorf, Hamburgo e Colónia/Bona. Berlim está também a sofrer grandes constrangimentos porque os aviões não descolam para os aeroportos em greve.

O pano de fundo são as negociações entre o Verdi e a Associação Federal de Empresas de Segurança Aérea sobre bónus de horas extraordinárias para trabalho noturno, aos sábados, domingos e feriados, bem como regulamentos sobre o pagamento de horas extraordinárias.

Segundo os media alemães, os dois dias de paralisação levarão ao cancelamento de cerca de 700 voos, afetando cerca de 100 mil passageiros.

A inflação na Alemanha levou a uma onda de greves nos últimos meses, à medida que os trabalhadores procuram salários mais elevados para compensar o aumento do custo de vida.

Nos primeiros três meses e meio de 2023, mais de 900.000 passageiros foram obrigados a reprogramar ou mesmo cancelar os seus voos devido às greves do Verdi.

Espera-se que as negociações entre o sindicato e a associação de segurança aérea BDLS prossigam na próxima semana.

Comboios também param na sexta-feira

Para além das greves dos aeroportos, o sindicato alemão dos caminhos-de-ferro e transportes, EVG, convocou uma greve dos transportes a nível nacional na sexta-feira, com impacto em cerca de 50 empresas, incluindo o operador ferroviário nacional, Deutsche Bahn.

O EVG tem procurado um aumento salarial de 12%, ou um mínimo de 650 euros por mês, para os seus 230.000 membros.

A Deutsche Bahn ofereceu um aumento salarial de 5%, juntamente com um pagamento único de 2.500 euros.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Inundações no aeroporto de Frankfurt: Passageiros devem chegar duas horas e meia mais cedo.

Alemanha anuncia pacote de medidas para travar a inflação

Centro de Colónia parcialmente evacuado devido a bomba da II Guerra Mundial