EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Caminho da Ucrânia para a NATO passa por Vílnius

Caminho da Ucrânia para a NATO passa por Vílnius
Caminho da Ucrânia para a NATO passa por Vílnius Direitos de autor Mindaugas Kulbis/The AP
Direitos de autor Mindaugas Kulbis/The AP
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Cimeira da Aliança Atlântica junta os 31 Estados-membros da organização na capital lituana

PUBLICIDADE

A entrada da Ucrânia na NATO está nas mãos dos 31 Estados-membros e será um dos pratos fortes no menu da cimeira de dois dias que começa esta terça-feira em Vílnius. A Aliança Atlântica abriu portas à Ucrânia em 2008 mas sem definir uma calendarização.

Quinze anos depois, e perante a invasão da Rússia, Kiev pressiona mas a data de entrada é tão ou mais incerta que antes.

Para Jens Stoltenberg, a prioridade é outra:

"Cabe aos aliados e à Ucrânia decidir quando é o momento certo para convidar a Ucrânia a tornar-se membro de pleno direito. A tarefa mais urgente agora é garantir que a Ucrânia prevaleça como uma nação soberana e independente na Europa. Porque se a Ucrânia não prevalecer, então não há qualquer questão a discutir".

Estados Unidos e Alemanha têm-se mostrado reticentes a admitir a Ucrânia enquanto durar a guerra com a Rússia.

Já a Rússia mantém a postura de sempre, dizendo que a entrada da Ucrânia na NATO é uma ameaça para o país e prometendo uma resposta firme.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Ataques com drones provocam vários incêndios em Kharkiv

Ataque russo com mísseis faz seis mortos em subúrbio de Kharkiv

Guerra na Ucrânia: dez mil pessoas obrigadas a abandonar Kharkiv