EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Mediterrâneo: ventos fortes e mar agitado dificultam resgate de migrantes

Alguns migrantes foram transferidos para o centro de apoio da ilha de Lampedusa.
Alguns migrantes foram transferidos para o centro de apoio da ilha de Lampedusa. Direitos de autor AP Photo
Direitos de autor AP Photo
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Guarda Costeira italiana resgatou migrantes agarrados a um recife nas águas da ilha de Lampedusa.

PUBLICIDADE

Os helicópteros da Guarda Costeira italiana envolvidos no salvamento de vários migrantes agarrados a um recife nas águas da ilha de Lampedusa tiveram de enfrentar ventos fortes e o mar agitado durante as operações de resgate.

Desde sexta-feira que um grupo, incluindo uma criança e duas mulheres grávidas, lutava pela vida no local.

Fazem parte do conjunto de náufragos de três barcos que afundaram no Mediterrâneo, durante o fim de semana, em incidentes separados.

Alguns foram transferidos para o centro de migrantes da ilha de Lampedusa.

A Guarda Costeira italiana chegou a resgatar mais de 50 de pessoas do mar alto. Em comunicado disse ter recuperado dois corpos, de um menino e de uma mulher, havendo ainda cerca de 30 migrantes desaparecidos.

Este ano, mais de 1800 migrantes morreram ao tentar cruzar o Mediterrâneo em barcos superlotados. Partiram principalmente da Tunísia e da Líbia.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Parlamento polaco aprova controverso referendo sobre migração proposto pelo governo

A pizza napolitana já tem três séculos e quem a faz diz que é a melhor

Meloni procura reforma constitucional para eleição direta do primeiro-ministro