EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Derrocada em França e tempestades na Alemanha e em Espanha

Tempestade de granizo na Alemanha
Tempestade de granizo na Alemanha Direitos de autor ZZEYE
Direitos de autor ZZEYE
De  euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Uma forte tempestade atingiu as ilhas Baleares. Na Baviera, no sul da Alemanha, houve uma queda de granizo impressionante. E em França, a queda de rochas obrigou à interrupção de uma linha ferroviária internacional.

PUBLICIDADE

O tráfego ferroviário entre França e Itália, na linha Chambéry-Turim, foi interrompido, devido à queda de rochas com "um volume total de 700 metros cúbicos", no vale de Maurienne, em França. O tráfego rodoviário também foi afetado.

“Sabíamos que isso iria acontecer muito rapidamente e, além disso, o movimento do solo foi acelerado pelas fortes chuvas dos últimos dias”, afirmou Yvan Gagnières, responsável pela exploração da estrada.

A ligação ferroviária vai estar interrompida pelo menos até quinta-feira. O túnel de Frejus, que liga França a Itália, foi também encerrado a veículos pesados.

Tempestade atingiu ilhas Baleares

Uma violenta tempestade atingiu Maiorca no domingo. Chuvas torrenciais, rajadas de mais de 100 quilómetros por hora e granizo surpreenderam locais e turistas. Houve vários feridos, dezenas de voos cancelados e duas colisões de navios. 

Um deles foi o navio de cruzeiro “Britannia”, um gigante de 330 metros de comprimento. Uma rajada de vento partiu as amarras do navio, que acabou por colidir com um petroleiro, sem consequências de maior.

A Baviera, no sul da Alemanha, foi atingida por uma forte tempestade de granizo. As autoridades declararam o estado de calamidade em vários locais.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Calor, chuva e tempestades assolam Europa

Aeroporto de Palma de Maiorca retoma atividade após tempestade

Europa de extremos: onda de calor na Turquia, incêndios em Chipre e inundações em Espanha