Morte de jovens azeda as relações entre Argélia e Marrocos

As relações entre os dois países degradaram-se depois do episódio
As relações entre os dois países degradaram-se depois do episódio Direitos de autor STR/Copyright 2023 The AP. All rights reserved.
Direitos de autor STR/Copyright 2023 The AP. All rights reserved.
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Três jovens marroquinos entrarm de jet-ski nas águas da Argélia e foram recebidos a tiro pela guarda costeira. Dois acabaram mortos.

PUBLICIDADE

As autoridades marroquinas abriram uma investigação à morte de dois jovens do país às mãos da guarda costeira argelina. 

A emoção esteve patente em Oujda, Marrocos, esta quinta-feira no funeral de um dos dois jovens mortos, que tinha nacionalidade francesa e marroquina. 

Três amigos estavam a divertir-se no mar, ao largo de Marrocos, quando entraram inadvertidamente nas águas territoriais da Argélia. A reação da guarda costeira não se fez esperar. Dois foram mortos a tiro, sendo que o corpo de um deles permanece na Argélia, e um terceiro escapou ileso e foi detido. Este caso veio azedar as relações entre os dois países vizinhos do norte de África, que antes do caso já não estavam a viver os seus melhores dias.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Morte a tiro de dois jovens marroquinos na Argélia leva a protesto frente ao parlamento de Marrocos

Taxa turística de dormida em Lisboa vai duplicar

Pelo menos 13 mortos e 61 feridos em ataque russo à cidade ucraniana de Chernihiv