EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Chefe da Diplomacia da UE faz visita não anunciada a Odessa

Josep Borrell, chefe da Diplomacia da União Europeia
Josep Borrell, chefe da Diplomacia da União Europeia Direitos de autor Claudio Furlan/LaPresse
Direitos de autor Claudio Furlan/LaPresse
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Borrell reiterou, na cidade ucraniana, que Bruxelas vai continuar a apoiar Kiev na luta para recuperar a sua integridade territorial.

PUBLICIDADE

O chefe da Diplomacia da União Europeia fez, este sábado, uma visita não anunciada a Odessa. Josep Borrell reiterou, na cidade portuária ucraniana, que Bruxelas vai continuar a apoiar Kiev na luta para recuperar a sua integridade territorial.

"A minha presença aqui em Odessa é para mostrar como estamos a apoiar a Ucrânia com o nosso apoio militar e o nosso apoio económico, a nossa atividade política e diplomática a procurar a paz, mas uma paz justa que preserve a integridade territorial e a independência da Ucrânia", afirmou.

A visita de Borrell acontece um ano depois de a Rússia ter formalizado a anexação de partes de quatro regiões ucranianas – Donetsk, Lugansk, Kherson e Zaporíjia.

"A escolha livre e inequívoca dos nossos irmãos e irmãs foi sinceramente apoiada pelo povo russo. Ao defendermos os nossos compatriotas em Donbass e Novorossiya, estamos a defender a própria Rússia".

A Praça Vermelha, no centro de Moscovo, foi palco de um concerto dedicado ao primeiro aniversário da anexação de quatro regiões da Ucrânia.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Pelo menos seis feridos em ataque aéreo russo a zona residencial de Kostiantynivka

Pelo menos seis feridos após ataque aéreo russo em zona residencial de Kharkiv

Ucrânia afirma ter atingido pela primeira vez um avião de combate russo Su-57