EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Israelitas deixam região da fronteira com o Líbano

Israelitas deixam a zona da fronteira com o Líbano
Israelitas deixam a zona da fronteira com o Líbano Direitos de autor Euronews
Direitos de autor Euronews
De  Valerie Gauriat
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Atualmente, há disparos diários das fações libanesas do Hezbollah.

PUBLICIDADE

No Norte de Israel, os habitantes das aldeias mais próximas da fronteira com o Líbano preparam-se para o pior. É muitos partem para Jerusalém.

O Ministério da Defesa ordenou a evacuação de 28 comunidades num raio de 2 km da fronteira (a chamada linha azul, controlada pela ONU) com o Líbano. Mais de 60 por cento da população já partiu.

Desde o início da guerra, a tensão na zona aumentou. As bases militares estão interditas às câmaras, mas a mobilização das tropas israelitas é maciça.

Atualmente, há disparos diários das fações libanesas do Hezbollah. Servem de aviso contra uma invasão terrestre israelita na faixa de Gaza.

Na cidade de Shelomi, o nível de ansiedade atingiu um novo pico para aqueles que ainda esperam para sair.

As pessoas da região têm sentimentos contraditórios. Alguns estão decididos a ficar, outros a partir. Mas uma coisa em que todos concordam é que esta guerra vai alastrar ao norte de Israel.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Primeiro-ministro israelita dissolve gabinete de guerra

Forças israelitas anunciam "pausa tática" nos combates para permitir a passagem de ajuda

Coluna de 120 carros faz manifestação pelos reféns em Israel