Rússia anuncia avanços em todas as direções da frente ucraniana

Vladimir Putin
Vladimir Putin Direitos de autor Mikhail Klimentyev, Sputnik, Kremlin Pool Photo via AP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Esta sexta-feira, Vladimir Putin assinou um decreto em que aumenta o número de tropas em 15%.

PUBLICIDADE

As autoridades ucranianas afirmam que os residentes de Avdiivka enfrentam "condições apocalípticas" à medida que os ataques se intensificam.

De acordo com a polícia, a Rússia intensificou os ataques ao setor residencial desta cidade da região de Donestsk.

Não muito longe, noutra cidade do leste, em Kupiansk, foram retiradas quase 300 crianças. Cerca de 60% dos menores partiram com os pais, enquanto as restantes foram levadas por voluntários e agentes da polícia.

Do lado da Rússia, o ministro da Defesa disse que as tropas do Kremlin estão a avançar em todas as direções da frente ucraniana. Sergei Shoigu anunciou a realização de mais de 20 exercícios militares no próximo ano, alguns com a participação de todos os ramos das Forças Armadas.

Também nesta sexta-feira, o presidente russo assinou um decreto em que aumenta o número de tropas em 15%. Vladimir Putin justificou a medida com "o crescimento das ameaças" relacionadas com o conflito na Ucrânia.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Putin diz que Kiev desperdiçou reservas na contraofensiva para agradar aos aliados do Ocidente

Funeral de Navalny realiza-se na sexta-feira em Moscovo

Opositor russo Boris Nemtsov recordado nove anos após a morte