Partido da coligação de governo perde um lugar no parlamento alemão

Equilíbrio de forças no Bundestag não muda
Equilíbrio de forças no Bundestag não muda Direitos de autor Ebrahim Noroozi/AP
De  Ricardo Figueira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

As eleições de 2021 foram repetidas para cerca de meio milhão de eleitores em Berlim, devido a problemas com o anterior escrutínio.

PUBLICIDADE

As eleições legislativas alemãs de 2021 foram parcialmente repetidas para cerca de 550 mil eleitores em Berlim, este domingo, devido uma série de problemas que ocorreram com o escrutínio de há dois anos e meio. Como resultado desta repetição, um dos partidos da coligação de governo, os Democratas Livres, perdeu um lugar no parlamento. Nenhum partido ganhou deputados, tendo o número total de parlamentares baixado para os 735.

 Os resultados mostraram uma descida na votação nos três partidos atualmente no governo: o SPD, do chanceler Olaf Scholz, os Democratas Livres e os Verdes, enquanto os democratas-cristãos da CDU e a AfD, de extrema-direita, cresceram. O equilíbrio de forças no Bundestag não foi alterado.

As próximas eleições legislativas estão marcadas para 2025.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

"Schengen militar": o que vai mudar o acordo assinado pela Polónia, Alemanha e Países Baixos?

A viragem da política de imigração da Alemanha: necessidade ou jogo político?

Polémica com AfD na Alemanha reabre debate sobre proibição da extrema-direita