As ambições de Alibaba

As ambições de Alibaba
De  Patricia Cardoso com LUSA, REUTERS, EFE
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O gigante chinês de comércio eletrónico, Alibaba, tem grandes ambições e não as esconde.

PUBLICIDADE

O gigante chinês de comércio eletrónico, Alibaba, tem grandes ambições e não as esconde.

O grupo quer duplicar o volume de vendas até 2020, ou seja, quer atingir 6 triliões de yuans em transações, o equivalente a 811 mil milhões de euros.

By 2020, #Alibaba expects transaction volumes to cross $900 billion https://t.co/dbEoyUhhKspic.twitter.com/Jc4w94bxaU

— Tech2 (@tech2eets) 14 de junho de 2016

A empresa de Jack Ma tem 423 milhões de clientes ativos, mas visa os 2 mil milhões de utilizadores em 2036.

Após a entrada na bolsa há dois anos, a Alibaba está a investir na expansão na China e a nível internacional. Está também a apostar na recolha de dados, o que Jack Ma considera como a base do negócio no futuro.

“Hoje em dia é possível ter um negócio com o maior rendimento do mundo”, no entanto a empresa já não é “um negócio baseado no rendimento, mas sim baseado em dados”, afirmou na intervenção para centenas de investidores e executivos da empresa, reunidos na sede nos arredores de Hangzhou, na província de Zhejiang.

#JackMa de #Alibaba y el poder del #BigData#Estrategia con gran futuro https://t.co/GB9dxZNZOk vía eleconomistaes</a></p>&mdash; Pedro J. Carrillo (pedrojc2020) 14 de junho de 2016

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Jack Ma anuncia saída do Grupo Alibaba

Preço do azeite sobe mais de 50% num ano na UE, Portugal registou o maior aumento

O preço do amor: porque sai tão caro encontrar alguém?