Zona Euro: Emprego cresce mais do que o esperado por causa do trabalho em 'part-time' - BCE

Zona Euro: Emprego cresce mais do que o esperado por causa do trabalho em 'part-time' - BCE
Direitos de autor 
De  Euronews com BCE, reuters
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A recuperação do PIB na zona euro, desde o segundo semestre de 2013, tem sido acompanhada por um crescimento do emprego maior do que o esperado, mas que se deve em muito ao aumento do trabalho em part

PUBLICIDADE

A recuperação do PIB na zona euro, desde o segundo semestre de 2013, tem sido acompanhada por um crescimento do emprego maior do que o esperado, mas que se deve em muito ao aumento do trabalho em part-time, afirma o Banco Central Europeu (BCE) num artigo publicado no mais recente boletim económico.

Economic Bulletin Article: The employment-GDP relationship since the crisis https://t.co/jhZU6hEVHR

— ECB (@ecb) September 21, 2016

Alemanha e Espanha, onde reformas flexibilizaram o mercado de trabalho, são os países que mais contribuíram para a melhoria do rácio entre o crescimento do PIB e do emprego.

No primeiro trimestre de 2016, o emprego na zona euro ficou 1,4% acima do valor registado um ano antes, o que representou o maior crescimento em termos homólogos desde a primeira metade de 2008.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Zona euro: Desaceleração económica no segundo trimestre

Parlamento Europeu aprova novas regras orçamentais da UE face ao receio do regresso à austeridade

Europeus com baixos rendimentos enfrentam dificuldades com o custo da habitação