EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

SAG Awards: "Elementos Secretos" brilha em cerimónia anti-Trump

SAG Awards: "Elementos Secretos" brilha em cerimónia anti-Trump
Direitos de autor 
De  Francisco Marques
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Emma Stone e Denzel Washington vencem pelas interpretações em "La La Land: Melodia de Amor" e "Vedações"; "Stranger Things" e "Orange is the New Black" distinguidas entre as séries televisivas.

PUBLICIDADE

A política tomou conta do palco na 23a edição da entrega dos prémios do Sindicato dos Atores norte-americanos. (SAG Awards).

A cerimónia decorreu este domingo em Los Angeles e muitas das estrelas a quem foi dada a palavra aproveitaram para criticar o novo Presidente, Donald Trump, em especial pelas políticas de bloqueio à entrada de muçulmanos no país.

The SAG Awards:
Actors standing up for other actors. #sagawardspic.twitter.com/gdVdqySW3I

— SAG Awards® (@SAGawards) 30 de janeiro de 2017

O ator Ashton Kutcher abriu as hostilidades antes de apresentar o vencedor do prémio para melhor atriz de comédia para televisão.

“Boa noite, caros camaradas do sindicato, todos os que nos veem em casa e todos aqueles que estão em aeroportos e que pertencem à minha América. Vocês fazem parte do tecido que nos compõe a todos e nós damos-vos as boas vindas”, afirmou o ex-marido de Demi Moore e atual de Mila Kunis.

Depois, Kutcher chamou ao palco Julia Louis-Dreyfus, eleita a melhor atriz de comédia em televisão pela interpretação na série “Veep” e também a distinguida usou da palavra para criticar Trump.

9 actors who spoke out against the refugee ban at the 2017 SAG Awards https://t.co/V0kzChpd8upic.twitter.com/IuzDmddBDi

— BuzzFeed (@BuzzFeed) 30 de janeiro de 2017

“Sou filha de um imigrante. O meu pai fugiu da perseguição na França ocupada pelos nazis e eu sou uma americana patriota. Amo este país e porque o amo estou horrorizada pelas suas nódoas. Este bloqueio aos imigrantes é uma nódoa e é antiamericano”, afirmou Julia Louis-Dreyfus.

A atriz citou ainda um comunicado do sindicato de argumentistas de cinema norte-americanos (WAG): “As nossas associações são sindicatos de contadores de histórias que sempre acolheram aqueles oriundos de nações com diversos credos e que querem partilhar a sua criatividade com a América. Estamos-lhes agradecidos. Estamos ao lado deles. E vamos lutar por eles.”

“My mother is an ordained minister. I am a Muslim.” Watch Mahershala Ali’s powerful—and moving—#SAGAwards acceptance speech. pic.twitter.com/4Js78anxrL

— VANITY FAIR (@VanityFair) 30 de janeiro de 2017

Taraji P. Henson, a atriz principal do filme “Elementos Secretos” também aproveitou o discurso de aceitação do prémio para o melhor elenco para enaltecer a mensagem do filme em que brilha e deixar uma bicada às políticas de divisão: “Esta história é sobre o que acontece quando colocamos as diferenças de lado e nos juntamos como uma só raça humana. Vencemos e o amor vence sempre.”

Emma Stone foi eleita pelos camaradas a melhor atriz principal em cinema pelo papel em “La La Land: Melodia de Amor” e lembrou que “atravessamos um período complicado no mundo” para considerar que “há coisas indesculpáveis, assustadoras e a precisar de ação”: “Sinto-me agradecida por fazer parte de um grupo de pessoas que se preocupa e que quer refletir comportamentos na sociedade.”

The Big Bang Theory star Simon Helberg and his wife Jocelyn Towne made a statement at the #SAGAwards: https://t.co/AkAhM2u463pic.twitter.com/boz6gLiuEP

— E! News (@enews) 30 de janeiro de 2017

Os prémios

Cinema (data de estreia em Portugal/ Brasil):
17. Elenco: “Elementos Secretos” (2 de fevereiro); 18. Ator principal: Denzel Washington, “Vedações” (9 de fevereiro); 19. Atriz principal: Emma Stone, “La La Land” (26 de janeiro/ 19 de janeiro); 20. Ator secundário: Mahershala Ali, “Moonlight” (2 de fevereiro/ 23 de fevereiro); 21. Atriz Secundária: Viola Davis, “Vedações”;

The cast of HiddenFigures</a> had a big night at the 23rd Annual <a href="https://twitter.com/hashtag/sagawards?src=hash">#sagawards</a>. <a href="https://t.co/bNR1YgelMW">pic.twitter.com/bNR1YgelMW</a></p>&mdash; SAG Awards® (SAGawards) 30 de janeiro de 2017

Televisão:
25. Elenco em série dramática: “Stranger Things”; 26. Ator em série dramática: John Lithgow, “The Crown”; 27. Atriz em série dramática: Claire Foy, “The Crown”; 28. Elenco em série de comédia: “Orange is the New Black”; 29. Ator em série de comédia: William H. Macy, “Shameless”; 30. Atriz em série de comédia: Julia Louis-Dreyfus, “Veep”; 31. Ator em filme de TV ou minissérie: Bryan Cranston, “All the Way”; 32. Atriz em filme de TV ou minissérie: Sarah Paulson, “American Crime Story: O caso de O. J.”; Duplos:
35. Elenco em série de TV de comédia ou drama: “Guerra dos Tronos”; 36. Elenco em filme: “O herói de Hacksaw Ridge” (10 de novembro/ 26 de janeiro);

Thank you, SAGawards</a> for honoring <a href="https://twitter.com/OITNB">oitnb It remains an honor and a privilege for us to share these stories. Congrats to all the nominees!! pic.twitter.com/sHOX839O7P

— Uzo Aduba (@UzoAduba) 30 de janeiro de 2017

We Will. We Will. We Will.
Powerful moment by DavidKHarbour</a> of <a href="https://twitter.com/Stranger_Things">Stranger_Things.#sagawardspic.twitter.com/IBzFDavEAq

— SAG Awards® (@SAGawards) 30 de janeiro de 2017

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Os grandes filmes dos Prémios do Cinema Europeu 2023

Monica Bellucci leva Maria Callas ao Festival de Cinema de Salónica

Realizador alemão Wim Wenders recebe Prémio Lumière em Lyon