EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Edvard Munch, um artista para lá de "O Grito"

Edvard Munch, um artista para lá de "O Grito"
Direitos de autor REUTERS/Peter Nicholls
Direitos de autor REUTERS/Peter Nicholls
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Exposição alargada no Museu Britânico de Londres conta vida e obra do autor

PUBLICIDADE

A maior exposição de trabalhos de Edvard Munch em 45 anos, no Reino Unido, reúne no Museu Britânico de Londres obras que mostram o lado menos conhecido do pintor norueguês.

As técnicas de impressão e os medos internos do autor da famosa pintura expressionista "O Grito" são explorados ao máximo.

"Certamente muitas pessoas conhecem 'O Grito", mas sabem muito pouco acerca do artista, da sociedade e da cultura de onde ele veio, onde trabalhou, as viagens que fez. O fato de se associar intimamente com sociedades cultas e as comunidades de Berlim e Paris, onde aprendeu a fazer estas impressões incríveis", explica Giulia Bartrum, curadora da exposição.

A exposição "Munch: amor e angústia" poderá ser visitada até 21 de julho no Museu Britânico de Londres.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Exposição de Edvard Munch em Londres

Noruega inaugura enorme museu dedicado a Munch

Art Paris 2024: a cena artística francesa no centro das atenções, com jovens talentos em destaque