This content is not available in your region

O fabrico dos lenços de seda kelagayi do Azerbaijão

euronews_icons_loading
O fabrico dos lenços de seda kelagayi do Azerbaijão
Direitos de autor  euronews
De  Euronews

Sheki, cidade histórica da Rota da Seda, no Azerbaijão, é conhecida pelo fabrico da seda e pelos lenços Kelagayi.

Os lenços Kelagayi são fabricados com base num processo meticuloso que exige técnica, arte e muita matéria-prima. "A nossa empresa fabrica lenços desde o início do século passado. Temos o ciclo completo de produção de seda, da matéria-prima aos lenços kelagayi. Um casulo produz cerca de mil metros de fio de seda e são necessários mais de mil casulos para fazer um lenço kelagayi", explicou à euronews Zaur Yakubov, diretor da fábrica AzerIpek, no Azerbaijão.

euronews
Fábrica de lenços de seda kelagayi no Azerbaijãoeuronews

As etapas do fabrico dos Kelagayi

Para produzir a seda, os casulos são colocados em água a ferver para amolecer e dissolver a goma que os mantém unidos. É uma etapa fundamental do processo produtivo que garante qualidade dos fios. Embora o fabrico seja totalmente automatizado, todo o processo é supervisionado por uma pessoa.

O tecido é tingido manualmente por meio de uma técnica especifíca que exige uma grande delicadeza. Os fabricantes de Kelagayi usam essências de cores naturais, bérberis, maçã silvestre, açafrão, groselha e sumagre. Depois, os lenços são postos a secar e decorados com padrões específicos.

euronews
Técnica para reconhecer um autêntico lenço kelagayieuronews

Como reconhecer um autêntico Kelagayi?

Na aldeia de Baskal, Abbasali Talibov faz parte da quarta geração de uma família de artesãos, um das poucas dedicadas a esta forma de arte e artesanato.

Os motivos do lenço típico do Azerbaijão são estampados com a ajuda de carimbos de madeira chamados galib. Embora a moda esteja sempre a mudar, os padrões dos kelagayi permaneceram iguais a si próprios durante séculos. Inspiram-se em plantas e formas geométricas. As cornucópias são um dos motivos mais populares.

Hayat Khalilova desenha e vende lenços kelagayi em Baskal e explicou-nos como verificar a autenticidade de lenço kelagayi. "Os kelagayi azerbaijaneses autênticos devem passar por um anel. Vamos tentar fazê-lo juntos para ver se funciona. Como pode ver, este lenço de seda kelagayi passa facilmente pelo anel. É genuíno", garantiu a dona da loja.

Em Baskal, os visitantes podem acompanhar o processo de produção e participar na confecção dos lenços. "Visitei Baskal, onde são produzidos os belos lenços kelagayi. Fiquei encantada. Em Baskal, os lenços são feitos por homens.Os homens fabricam esses lenços com as próprias mãos para darem uma prenda às mulheres", afirmou Elina Bobkina, turista da Rússia.

Em 2014, os Kelagyi integraram a lista do património cultural imaterial da humanidade da UNESCO.