This content is not available in your region

Danças folclóricas do Azerbaijão exigem dotes de acrobata

euronews_icons_loading
Danças folclóricas do Azerbaijão exigem dotes de acrobata
Direitos de autor  euronews
De  Andrea Bolitho  & euronews

A dança tradicional azerbaijanesa combina música, coreografia e narração de histórias.

Fundado em 1938, o grupo de Dança do Estado do Azerbaijão sobe ao palco em todo o mundo. A dança com copos é uma das particularidades do folclore do país. "Alguns elementos de dança muito difíceis são típicos das danças femininas do Azerbaijão, nomeadamente, movimentos de peito, acentuação dos olhos, e uma combinação de ambos. Há também a dança com copos. Os copos devem ficar em equilíbrio nas palmas das mãos, e as bailarinas têm de dançar sem que o líquido seja derramado", afirmou Saina Ahmedova, professora de dança do grupo de Dança do Estado do Azerbaijão.

euronews
Danças masculinas do folclore do Azerbaijãoeuronews

Danças masculinas simbolizam coragem e virilidade

"As danças masculinas do Azerbaijão retratam uma águia a estender as asas no topo da montanha, e a preparar-se para voar. Como pode ver alguns dos elementos de dança que o dançarino executa na ponta dos pés são extremamente difíceis”, considerou Rufat Xalilzade, diretor artístico do grupo de Dança do Estado do Azerbaijão.

E acrescentou: "As danças masculinas são uma autêntica competição, é como se dissessem: 'Vou saltar mais alto do que tu, vou executar o elemento mais difícil ainda mais depressa'. Essa competição é um símbolo de coragem e de virilidade, é isso que a dança retrata".