CE disposta a autorizar redução da oferta láctea

CE disposta a autorizar redução da oferta láctea
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

A Comissão Europeia mostrou-se disposta a aceitar uma redução temporária da produção de leite, numa base voluntária, e um aumento de apoios ao

PUBLICIDADE

A Comissão Europeia mostrou-se disposta a aceitar uma redução temporária da produção de leite, numa base voluntária, e um aumento de apoios ao armazenamento, em dia de protestos intensos de produtores em Bruxelas.

O executivo comunitário conta, desta forma, ajudar a superar a crise instalada no setor.

“Estamos a implementar um acordo voluntário de gestão de abastecimento de leite. As modalidades serão trabalhadas nos próximos dias para permitir que grupos de produtores, cooperativas e empresas privadas sejam capazes de se envolver na gestão de abastecimento voluntário de leite”, sublinhou o comissário responsável pela pasta da Agricultura, Phil Hogan.

À margem do Conselho de Ministros da Agricultura da União Europeia desta segunda-feira, em Bruxelas, os produtores fizeram ouvir, de forma ruidosa, as preocupações com que se deparam.

“Estamos a produzir em excesso, por isso os preços estão em queda nos mercados globais. Queremos uma regulação a nível europeu. Queremos que a União Europeia atue como deve de atuar”, reiterou Stéphane Delogne, da Federação belga Unida de Grupos de Produtores e Agricultores (FUGEA).

O executivo comunitário anunciou que enviará uma proposta, com caráter excecional, a vários Estados-membros, mas ao que tudo indica a iniciativa deverá esbarrar na resistência de países como a Irlanda.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Von der Leyen não quer trabalhar com "amigos de Putin" no Parlamento Europeu

Famílias pedem ajuda da UE para libertar reféns face iminente operação em Rafah

UE chegou a acordo sobre 13.º pacote de sanções contra a Rússia