Breves de Bruxelas: saída de Schulz e cimeira UE-Ucrânia

Breves de Bruxelas: saída de Schulz e cimeira UE-Ucrânia
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

O presidente do Parlamento Europeu, Martin Schulz, não vai recandidatar-se ao cargo no próximo ano.

PUBLICIDADE

O presidente do Parlamento Europeu, Martin Schulz, não vai recandidatar-se ao cargo no próximo ano. O eurodeputado socialista regressará à cena política alemã.

A corrida para suceder Martin Schulz está agora aberta, com o centro-direita a querer escolher o próximo presidente, como explicou à euronews o analista político Charles de Marcilly.

Neste programa que passa em revista a atualidade europeia diária está em destaque, também, a cimeira entre a União Europeia e Turquia, quinta-feira, em Bruxelas. A União congratulou-se com as reformas realizadas pelo governo ucraniano.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Macron enfrenta manifestantes na Feira de Agricultura de Paris

Cólera dos agricultores em Espanha e França está para durar

Comissão Europeia desbloqueará 137 mil milhões de euros para Polónia