As eleições antecipadas no Reino Unido e o referendo na Turquia em análise

As eleições antecipadas no Reino Unido e o referendo na Turquia em análise
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Menos de um mês depois de o Reino Unido ter acionado o artigo 50 para sair da União Europeia, Theresa May convocou eleições antecipadas para 8 de Junho.

PUBLICIDADE

Menos de um mês depois de o Reino Unido ter acionado o artigo 50 para sair da União Europeia, Theresa May convocou eleições antecipadas para 8 de Junho. E se as sondagens se confirmarem, May conseguirá uma vitória esmagadora.

Nesta edição de The Brief, a análise de um dos jornalistas do serviço inglês da Euronews, James Franey, a este anúncio surpresa de Theresa May.

E o referendo na Turquia que concede ao presidente novos poderes ainda continua em destaque nas notícias.

A Europa criticou a viragem autoritária de Erdogan, mas as maiores comunidades turcas do Velho Continente parecem ter uma opinião diferente.

75% dos turcos inscritos na Bélgica, 73% na Áustria, 70% nos Países Baixos, 65% na França e 63% na Alemanha votaram para reforçar os poderes do presidente, de acordo com as estatísticas do Governo. O historiador Mazyar Khoojinian explicou à Euronews estes números.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Países da UE pressionados a reforçarem defesa aérea da Ucrânia com doações

Eurodeputados do "Russiagate" poderão perder imunidade, diz presidente Metsola

UE aprova novas sanções contra o Irão para reduzir a produção de drones e mísseis